segunda-feira, novembro 07, 2005

O Coração Sempre Arrasa a Razão



























Primeiro o Karma, depois o DNA

surfando karmas & dna
(gessinger)

?quantas vezes eu estive cara à cara com a pior metade?
a lembrança no espelho, a esperança na outra margem
?quantas vezes a gente sobrevive à hora da verdade?
na falta de algo melhor nunca me faltou coragem
se eu soubesse antes o que sei agora
erraria tudo exatamente igual

tenho vivido um dia por semana
acaba a grana, mês ainda têm
sem passado nem futuro
eu vivo um dia de cada vez
?quantas vezes eu estive cara à cara com a pior metade?
?quantas vezes a gente sobrevive à hora da verdade?
se eu soubesse antes o que sei agora
iria embora antes do final

surfando karmas e DNA
não quero ter o que eu não tenho
não tenho medo de errar
surfando karmas e DNA
não quero ser o que eu não sou

eu não sou maior que o mar
?quantas vezes a gente sobrevive à hora da verdade?
na falta do que fazer inventei a minha liberdade